sexta-feira, 23 de março de 2012

Alentejo nas Bageiras


Foi na Quinta das Bageiras, em Fogueira, que aproveitámos para fazer uma prova de tintos do Alentejo, para acompanhar um coelho com amêndoas preparado pelo sr. Simões.

Começámos com um patê de ovas acompanhadas por um espumante rosé, bruto natural como não podia deixar de ser nas Bageiras. Muito bom.

O coelho frito com amêndoas e alho estava de chorar por mais, e ligou muito bem com os tintos alentejanos, embora tivesse pujança para ligar com outros vinhos encorpados, de tão apuradinho que estava.


Antes da prova de tintos, provámos ainda o Garrafeira Branco 2010 das Bageiras, que está um grande vinho, ao nível das edições anteriores.

Foram 5 tintos alentejanos provados por 15 convivas.
Eram todos vinhos de gama média/alta, cujo preço rondava os 20 euros por garrafa.

Feita a média matemática das pontuações obtivemos a seguinte classificação:

  • 17,0 - Dona Maria Reserva 2006
  • 16,6 - Quinta do Mouro 2006
  • 15,9 - Mouchão 2006
  • 15,6 - Solar dos Lobos GE 2008
  • 14,4 - Tapada de Coelheiros 2008

O Dona Maria Reserva foi o mais consensual, mas os vinhos eram todos bastante bons, encorpados e com nariz intenso, proporcionaram uma bela prova.

No final, ainda provámos o Tinto Garrafeira 2008 das Bageiras, recém engarrafado, que não entrou muito bem na sequência alentejana, sendo um perfil de vinho muito diferente, e a precisar ainda de algum repouso na garrafa.

Ainda tivemos direito a um folar caseiro com queijo, acompanhado pelo abafado das Bageiras, que está cada vez melhor.

Assim se passou uma bela noite vínica nas Bageiras, com a promessa de uns robalos para breve, quando o sr. Simões os conseguir arranjar.









3 nos copos

3 comentários:

Carlos Amaro disse...

Foi excelente a prova. Acho só que houve quem fosse muito poupadinho nas notas :-)
Na minha opinião pessoal, pontuei os 3 primeiros acima do que saíram na média final. O Dona Maria Reserva, e principalmente o Quinta do Mouro estão fantásticos. No caso do Mouchão, apesar de bom tinha uma doçura final que sai fora do que é normal nas colheitas mais antigas e que não me agradou totalmente. Espero que o perfil volte ao que era.

Raul Sousa Carvalho disse...

Ola, tudo bem?

É só para avisar que o blog do nariz à boca voltou a reabrir. Abriu hoje! E gostaria de pedir para partilharem o link do blog no vosso site.
Espero pela colaboração.

Pode ser?

http://donarizaboca.blogspot.pt/

Abraço
Raul Carvalho

Carlos Amaro disse...

Olá Raul,
Claro que sim. Feito.

Abraço
Carlos Amaro